sexta-feira, 11 de agosto de 2017

Voltaremos.. em breve!


Olá amigos leitores e Strateiros! Como vocês puderam perceber e não vou ficar me desculpando muito ou usando argumentos esfarrapados, o blog pisou no freio legal em 2017, muitos fatores contribuíram para isso, mas como não ficarei aqui de lero lero com vocês, quero pedir paciência e um pouco de compreensão a todos, mas vai voltar! Devido aos pedidos e interesse de muitas pessoas que me procuraram nesse período, informo que as postagens voltarão! Inclusive a famosa coluna "Amigo Strateiro", tão divertidamente narrada por vocês.

Como vocês também perceberam, durante esse período eu me limitei apenas a responder aos comentários postados por vocês nas postagens e isso contribuiu muito para a motivação de voltar. Quero agora organizar os próximos posts e digo que vem bastante conteúdo por ai, bastante novidade! Vou responder cada um dos emails que ficaram engavetados atrás da cortina.

Quem quiser participar da coluna "Amigo Strateiro" ou até mesmo como colaborador do blog, pode entrar em contato comigo, sempre haverá espaço para os interessados. Apesar de ser o administrador e responsável por manter o blog no ar, em parceria com a plataforma que mantém o blog ativo no ar, todos podem contribuir! Basta querer e gostar de escrever! Acredito que todos nós temos muito a acrescentar e compartilhar uns para os outros, pois todos temos alguma experiência interessante que deve ser dividido e somado com outras pessoas! Por enquanto é isso galera, em breve novidades!

William de Oliveira

terça-feira, 10 de janeiro de 2017

Happy Birthday to Jimmy Page!





E antes que alguém diga que essa foto é montagem ou que ele nunca usou uma Stratocaster (o que é quase verdade kkk), a maior parte do álbum Through the out door foi gravada com uma guitarra Stratocaster, em especial as músicas "In the evening" e "For your life".

Aqui você pode ver e acompanhar a performance do mestre ao vivo aos encantos de uma Stratocaster:


Outras imagens encontradas na internet





sábado, 3 de dezembro de 2016

Vende-se Dolphin Stratocaster - Made in Brazil - 1988 / 1990 (Era Assale)


Procurando por uma Stratocaster dos anos 80 brasileira barata? Cara, eu tenho exatamente o que você está procurando!!

Olá amigos, estou vendendo essa belíssima Dolphin Stratocaster, está muito bem cuidada como todas as guitarras do meu acervo, são mais de 48 Stratocasters na minha coleção.. estou vendendo alguns exemplares que não uso e que podem muito bem fazer a alegria de outras pessoas que irão certamente usar e dar mais valor, não é guitarra para ficar parada.. guardada.. é para alguém que valorize mais do que eu, que acumulei muitos instrumentos durante a vida e agora terminou o espaço (moro em apartamento). Para que você que gostou e quer mais informações sobre o instrumento, é só buscar aqui mesmo nesse blog, pesquisem à direita no marcador "Dolphin".

A combinação do Marfim do braço com o Mogno do corpo e os singles é interessante, principalmente se for customizada com captadores melhores de alnico. Tem som de strato, mas é um pouco menos estalada e tem mais sustain. Mas é um timbre forte, que chama atenção, testei ela colocando os Alnico Blues da Malagoli e ficou um som bem gordo. O Mogno vai suprir exatamente isso que falta na maioria das Stratos, vai dar um som mais gordo com reforço os graves e com mais sustain.
Algumas informações sobre o estado dela:
Acompanha bag? Não

Como a guitarra será enviada? Tudo em uma única embalagem bem reforçada. Prefiro mandar desmontada o braço do corpo exatamente para não causar nenhuma tensão no braço, vai com embalagem bem segura e com plástico bolha novos.
Acompanha alavanca? Não

Ela tem algum detalhe? Algum rachado ou trincado? Na madeira não, nada. Na pintura eu acho que não, talvez alguns poucos arranhões (preto arranha com facilidade) e nesse caso é uma guitarra vintage, com mais de 15 anos, quase vinte anos.
Já vem regulada? Certamente agora não está mais regulada as oitavas, isso é só regular.. pois ficou muitos anos guardada no case.. estava regulada com cordas 009.. as cordas já não estão mais novas, tem dois ou três anos que coloquei, faz algum tempo que comprei essa guitarra e nunca usei.
Como estão os trastes? Originais, ela foi pouco usada mas ainda tem uns 60% ou mais de vida útil.
 
O que preciso fazer para deixar ela 100%? Acho que é só plugar e tocar mas claro que seria indicado fazer uma revisão (sempre quando eu compro uma guitarra eu faço uma revisão), está a três anos guardada, ou seja, vai ligar ela e provavelmente pode ter um chiadinho ou dois, os captadores são os originais.. tem quase 20 anos... é claro que vai ter coisas para fazer nela.. por isso sou sincero.. seria legal refazer a elétrica dela e trocar os captadores, vale a pena dar um upgrade com o tempo.. essa guitarra tem ótimas madeiras..
Vem blindada? Não, está original de fábrica e guitarra nenhuma brasileira vinha blindada de fábrica.

Especificações:

Nome: Dolphin
 Modelo: Stratocaster
 Serie: 80 / 90 (Era Assale)
 Fabricação: Made in Brazil
Fabricante: Dolphin - Carlos Assale
Ano: 1988  Período de fabricação: 1988 / 1990
Madeira do braço: Marfim Imperial
Madeira do corpo: Mogno  Escala: Marfim Imperial Número de casas: 21
Cor: Preto / Black
Chave seletora: 3 botões Controle: 1 Volume - 2 Tone
 Hardware: Captadores de cerâmico revestidos com cover do tipo "Lace Sensor"
 Ponte: Vintage cromada com 6 parafusos Tarraxas: Originais Horvath
Neck Plate: O modelo original não apresenta neck plate.
Headstock: Dolphin Headstock Configuração dos captadores: S/S/S
NÃO ACEITO TROCAS - SOMENTE VENDA - NÃO INSISTA
 FRETE POR CONTA DO COMPRADOR
TENHA SUA COMPRA PROTEGIDA 100% ATRAVÉS DO MERCADO LIVRE E MERCADO ENVIOS
 TIRE TODAS AS SUAS DÚVIDAS ANTES DE COMPRAR - MERCADO LIVRE É COISA SÉRIA!
EU SIGO AS REGRAS DO SITE E ME COMPROMETO COM OS PRODUTOS QUE VENDO
PERGUNTE TUDO O QUE QUISER, TEREI PRAZER EM RESPONDER  COMPRE APENAS SE TIVER 100% DE CERTEZA, NÃO COMPRE POR IMPULSO DESDE JÁ AGRADEÇO!!!
LET´S PLAY GUITAR!!!

http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-813653146-guitarra-dolphin-stratocaster-era-assale-_JM

------

Atualizando em 22/12/16

A guitarra já foi vendida!

quinta-feira, 8 de setembro de 2016

Yamaha SGV300 - Made in Taiwan


Com vocês, o mestre das guitarras legais Erich Von Farah:

Hoje venho mostrar à vocês uma guitarra que foge de todos os padrões que conhecemos no mundo das seis cordas:


Yamaha SGV300

Marca: Yamaha
Modelo: SGV300
Corpo : Alder
Braço : Maple / rosewood
Captadores : Ferrite - originais
Cor: Pearl Green
Ponte : Tremolo Yamaha
Fabricação: Made in Taiwan
Ano: Fabricação entre 90' e 2000'



O modelo começou a ser produzido nos anos 90 para os 2000, buscando competir com outros ícones do surf music (Mosrite, Fender Jaguar, etc).

Com curvas inovadoras e um projeto totalmente original e inusitado, essa beldade a primeira vista pode parecer "estranha", mas já conquistou inúmeros apreciadores (inclusive eu!).





Som:

"Como é o timbre dessa guitarra? " essa é a pergunta que eu mais escuto e digo que o som é único!

Se fossemos compara las à modelos mais tradicionais, diria que ela soa entre uma Jazzmaster e uma Jaguar com uma pitada de Stratocaster.

Os captadores soam mais fechados, com mais médios e graves.




O circuito dessa guitarra é bem interessante, pois se tratam de 3 single coils com chave seletora de 3 posições, 1 knob volume master, 1 knob tone master e 1 knob que permite selecionar a intensidade dos captadores meio/ponte. Explicando melhor: com a chave seletora na posição 3, com o knob você escolhe se quer usar o captador do meio ou da ponte (assim como uma chave tradicional de 5 posições utilizadas nas stratocaster), porém de forma gradual, isso permite uma variedade maior de timbres (ex: ponte 70% + meio 30%, ponte 40% + meio 60%, ponte 50% + meio 50%, etc...).

Os captadores soam melhores com um som clean ou crunch, devido ao som pender para os graves/médios. A galera que gosta de um overdrive/distortion mid gain para cima, não vai se dar muito bem, hehe.





Construção:

Acredito que não seja necessário destacar esse quesito, pois a Yamaha criou um projeto 100% original.

Desde as curvas e formas, até os captadores e ponte/tremolo, a marca buscou inovar e surpreender à todos.

Uniu toda essa criatividade/originalidade junto à madeiras tradicionais e de boa qualidade, o resultado só poderia ser um instrumento exemplar.


Linha SGV

A Yamaha acabou lançando novos modelos com diferentes especificações que valem a pena ser conferidos:





Pontos positivos:

O design é o primeiro deles, apesar de parecer "esquisita" de imediato, ela tem um charme diferente de qualquer outro instrumento, que conquista qualquer músico que goste de um visual "retrô".

Para aqueles (assim como eu) se incomodam com instrumentos pesados, esse não é o problema aqui; mesmo sendo uma guitarra "grande", ela é bem leve e confortável, ideal para quem toca longos períodos.
O acabamento é excepcional, cores vivas e marcantes ressaltam ainda mais suas linhas.





Pontos negativos:

Por se tratar de um instrumento único, em caso de quebra de peças específicas, a reposição seria praticamente impossível. Acredito que nem mesmo a própria Yamaha seria possível de fornece-las.

Como já falado anteriormente, é difícil timbra la com overdrives de médio/alto ganho, isso não a torna uma guitarra tão versátil assim, porém isso varia do gosto e do equipamento de cada músico, acredito que essa questão seja mais um ponto de vista do que um ponto negativo.

Ficamos por aqui pessoal, para aqueles que cruzarem com uma Yamaha dessas, não exitem em testa la.
Abraços

Erich Von Farah

terça-feira, 23 de agosto de 2016

Guitarra roubada: Fender Stratocaster Standard 92' - Made in USA


Atenção galera

Instrumento Roubado! Compartilhar Por Favor!

Se alguém souber de algo entrem em contato com o blog ou avisem pelo Facebook para Ewerson Alemaao!

Link para contato:


Guitarra: Fender  
Modelo: Stratocaster
Série: Standard
Cor: Preta
Escala: Rosewood
Fabricação: Made in USA
Ano: 1992

Furtada no dia 21/07/2016 para 22/07/2016 na cidade de Maceió / Alagoas. 

Status: AINDA NÃO ENCONTRADA!!
















Desde já agradecemos se vocês pudessem compartilhar no Facebook ou nos fóruns de instrumentos, vamos achar a guitarra para o seu verdadeiro dono, algumas pessoas podem achar que não mudará nada mas compartilhar e divulgar na internet faz uma enorme diferença. Só quem já teve um instrumento roubado sabe e entende o desespero que é, e na maioria das vezes ainda é o instrumento de trabalho das vítimas, qualquer coisa entrem em contato. 

William de Oliveira